Bahia

Mantida pela Veracel Celulose, a maior reserva privada de Mata Atlântica no Nordeste, faz 22 anos

A Estação Veracel, maior Reserva Particular de Patrimônio Natural (RPPN) de Mata Atlântica no Nordeste brasileiro, completa, hoje, 22 anos. Criada e mantida pela Veracel Celulose, indústria localizada na Costa do Descobrimento, no Sul da Bahia, a reserva fica nos municípios de Porto Seguro e Santa Cruz Cabrália, e é um ícone do esforço para a conservação da biodiversidade.

A Estação Veracel é reconhecida pela UNESCO (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura) como Sítio do Patrimônio Mundial Natural e os trabalhos de conservação da biodiversidade realizados lá, propiciaram a Veracel Celulose o selo Procedimento de Serviços Ecossistêmicos Forest Stewardship Council® – FSC® C017612 emitido no Brasil pelo Imaflora. A certificação pela FSC®, oficializada em maio deste ano, é um reconhecimento inédito no setor de florestas plantadas. O objetivo do procedimento é reconhecer e valorizar a atuação de empresas e organizações que usam os recursos naturais sem esgotá-los, seguindo assim um dos principais pilares do desenvolvimento sustentável.

“Os 22 anos da RPPN Estação Veracel são motivo de imenso orgulho para nós. Além de ser referência no processo de educação ambiental e de se constituir em uma plataforma de diálogo com a sociedade, a Estação é a concretização da visão da Veracel sobre o papel da empresa para a conservação ambiental, dentro do propósito da companhia de ser responsável, inspirar pessoas e valorizar a vida”, afirma Virginia Londe de Camargos, coordenadora de Estratégia Ambiental e Gestão Integrada da Veracel.

A área conta com mais de 6 mil hectares onde são encontradas várias espécies da fauna e da flora da Mata Atlântica. Esses números reforçam que a Estação Veracel é um espaço fundamental para a conservação de biodiversidade e para a proteção de espécies globalmente ameaçadas de extinção. A RPPN Estação Veracel está entre as dez áreas com maior diversidade de espécies de árvores por hectare do Brasil. A reserva é considerada uma importante área de conservação de aves pela BirdLife International, organização ambiental com sede no Reino Unido, abrigando espécies como a Harpia (Harpia harpyja), uma das maiores aves de rapina do mundo, o Crejoá (Cotinga maculata) e o Pica-pau-de-coleira (Celeus torquatus), entre outras.

Saiba mais sobre a RPPN Estação Veracel e veja as imagens de animais silvestre em habitat natural capturadas por meio de armadilhas fotográficas em https://www.veracel.com.br/rppn-estacao-veracel/

Fonte: A Gazeta bahia

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Close
%d blogueiros gostam disto: