Esportes

Sem apoio de chapa para o Conselho, Binha fica fora das eleições do Bahia

Após concorrer em duas eleições do Bahia, Flávio Alexandre da Silva, mais conhecido como Binha de São Caetano, vai ficar de fora do pleito a ser realizado no dia 12 de dezembro. O torcedor-símbolo do Esquadrão de Aço já vinha afirmando nos últimos anos que seria mais uma vez candidato ao cargo máximo do clube, mas uma mudança no estatuto invalida a sua concorrência. Para ser uma opção ao sócio tricolor, é necessário o apoio de uma chapa de 100 sócios que concorra ao Conselho Deliberativo.

A mudança foi aprovada em 2017 pelo Conselho Deliberativo e entrou em vigor a partir de 2018. A regra consta no artigo III inciso 1º do regulamento eleitoral do clube. Mesmo se tratando de uma situação colocada em regimento, o fanático tricolor se diz injustiçado.

Em um vídeo que circula nas redes sociais, Binha posa ao lado de um advogado, que questiona: “Que democracia é essa?”. A promessa é de entrada na Justiça para tentar reverter o quadro. Procurado pela reportagem do BN, o agitado tricolor disse que não sabia da mudança e que está sendo prejudicado. Ele chegou a revelar que quase desmaiou ao descobrir que vai ficar de fora.

“Eu não sabia. Vieram me explicar depois em cima da hora. Estava ligando para o Bahia perguntando sobre a inscrição das chapas e o meu pessoal já vinha me avisando que queriam complicar minha vida. Sou torcedor do Bahia e eu deixei de ser candidato a vereador para tentar a presidência. Faltando dois dias, ligaram avisando que eu tinha dois dias para adiantar os documentos. Como vou pegar documentos em dois dias? Isso é covardia e agiram de ma fé, na minha modesta opinião. Eles falavam de Marcelinho [Marcelo Guimarães Filho, presidente destituído em 2013 por uma intervenção], mas fazem a mesma coisa. Vamos brigar na Justiça”, prometeu.

Com um discurso “simples, humilde e modesto”, Binha sempre promete grandes títulos e jogadores para o Esquadrão de Aço. A promessa parece tentadora, mas não conquistou os sócios do clube nas últimas votações. Em 2014, ele recebeu 14 votos. Já em 2017, foram 22 eleitores ao seu favor.

Até o momento, a eleição do Bahia tem dois candidatos: Guilherme Bellintani, que busca a reeleição, e Lúcio Rios, do grupo +Bahia. A divulgação oficial das chapas ocorre nesta sexta-feira (13).

Fonte:Bahia noticias

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Close
%d blogueiros gostam disto: