Esportes

Vitória é denunciado por homofobia contra torcedores do Bahia; caso está no TJDF-BA

O Vitória será julgado nesta quinta-feira (17) pelo Tribunal de Justiça Desportiva do Futebol da Bahia (TDJF) por homofobia contra torcedores do Bahia. O caso ocorreu no dia 1º de março, durante o clássico Ba-Vi, no Barradão, pelo Campeonato Baiano. Na ocasião, torcedores penduraram no alambrado uma camisa da torcida LGBTricolor de cabeça para baixo.

 

A denúncia foi feita pela torcida LGBTricolor e acatada pela procuradoria do TJDF-BA. O Vitória está enquadrado no artigo 243-G do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que diz: “Praticar ato discriminatório, desdenhoso ou ultrajante, relacionado a preconceito em razão de origem étnica, raça, sexo, cor, idade, condição de pessoa idosa ou portadora de deficiência”. O clube pode ser punido com suspensão, multa ou perda de pontos, que só vale para a competições realizadas pela Federação Bahiana de Futebol (FBF).

 

Quem também será julgado é o árbitro Bruno Pereira Vasconcelos. O motivo é por ele não ter registrado o ocorrido na súmula do jogo.

 

Vale lembrar que durante a Copa América no Brasil em junho do ano passado, a Conmebol multou a CBF por gritos homofóbicos por parte da torcida brasileira no jogo entre Brasil e Bolívia, na abertura da competição. Quando o goleiro boliviano Carlos Lampe cobrava o tiro de meta, gritos de “bicha” vindos das arquibancadas, ecoaram na praça esportiva.

Fonte:bahia noticias

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: