Brasil

Nordeste lidera ranking de leitura no Brasil; Salvador ocupa 9ª colocação entre capitais

Contrariando o senso comum e os preconceitos, o Nordeste se destacou em ranking de leitura no Brasil. De acordo com dados da 5ª edição da pesquisa Retratos da Leitura no Brasil, divulgada pela revista Veja, a região concentra cinco entre as 10 capitais  que mais leram em 2019. 

Segundo o levantamento do Instituto pró-livro João Pessoa (PB) é a campeã, com 64% da população considerada leitora. O segundo lugar ficou com Curitiba (PR), com 63%; seguido de Manaus (AM), 62%; 
Belém (PA), 61%; São Paulo (SP), 60%; Teresina (PI), 59%; São Luís (MA), 59%; Aracaju (SE), 58%; Salvador (BA), 57%; e Florianópolis (SC), 56%.

Mas não só o estigma regional foi quebrado, os dados também contrariam preconceitos sociais, mostrando que no Brasil a classe C, sozinha, representa 49% dos leitores, contra apenas 4% dos mais ricos. Os números contradizem ainda o ministro Paulo Guedes, que propôs tributar o mercado editorial, ao considerar os livros artigo de luxo, que são consumidos apenas pela classe dominante.

A análise da revista pondera, entretanto, que apesar da representatividade baixa da classe rica em comparação aos mais pobres, não quer dizer que ela leia pouco, mas se dá pelo fato da classe A ser minoria em números absolutos. Apesar de ter havido uma queda de 2015 para 2019, 67% da classe A declarou-se leitora, contra 63%, 53% e 38% nas classes B, C e D/E, respectivamente.

Para realizar a pesquisa foram consultadas mais de 8 mil pessoas em todos os estados brasileiros, entre outubro de 2019 e janeiro de 2020. Foram considerados leitores aqueles que leram ao menos um livro nos três meses que antecederam o levantamento.

Veja o ranking das capitais com mais leitores no Brasil:
João Pessoa (64%)
Curitiba (63%)
Manaus (62%)
Belém (61%)
São Paulo (60%)
Teresina (59%)
São Luís (59%)
Aracaju (58%)
Salvador (57%)
Florianópolis (56%)
Vitória (55%)
Fortaleza (54%)
Belo Horizonte (53%)
Porto Alegre (52%)
Recife (52%)
Cuiabá (52%)
Palmas (52%)
Macapá (51%)
Porto Velho (51%)
Rio Branco (49%)
Natal (48%)
Rio de Janeiro (47%)
Goiânia (42%)
Maceió (37%)
Campo Grande (26%)
Boa Vista (em apuração)

Fonte:Bahia noticias

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Close
%d blogueiros gostam disto: