Esportes

Juazeirense ganha do Sport em partida polêmica desdobramentos no Superior Tribunal de Justiça Desportiva

Em partida movimentada o Juazeirense só precisou de um minuto para as redes balança a rede pela primeira vez, quando Kesley aproveitou o rebote de Luan Polli e abriu o placar para a Juazeirense. Mas o Sport deu o troco pouco depois… acertou o travessão com Thyere e, aos 9 minutos, Ronaldo converteu um pênalti que deu o empate ao Leão. A equipe visitante cresceu na partida e terminou virando aos 20, com Mikael. Depois disso, o Cancão ainda investiu nos contra-ataques, mas não conseguiu balançar as redes. As equipes saíram para o intervalo com o Sport vencendo por 2 a 1.

A Juazeirense voltou com tudo e empatou com Clébson, com um minuto de bola rolando. Aos 21 minutos, Dedé aproveitou um cruzamento na área e virou para o Cancão. Daí em diante renderam cenas inusitadas. Os gandulas sumiram e Patric terminou pulando a placa de publicidade atrás da bola, depois uma ambulância entrou para atender um Dedé desacordado. O árbitro sinalizou 11 minutos de acréscimos, mas pouco depois os refletores apagaram. A partida parou por 25 minutos e ainda chegou a voltar, mas as luzes apagaram novamente. Dessa vez, 1h15 de paralisação… e que não voltou mais. O árbitro ainda ensaiou uma retomada, só que o Sport se recusou a entrar em campo, terminando com derrota por 3 a 2.

Sem a iluminação restabelecida, a arbitragem ainda indicou que retomaria os minutos finais, mas o Rubro-negro se recusou a jogar. Com isso, o árbitro encerrou o jogo “mais cedo”… com derrota do Sport para a Juazeirense. Os gols do Leão foram marcados por Ronaldo e Mikael, enquanto o Cancão marcou com Kelsey, Clébson e Dedé.

A princípio, a Juazeirense está classificada e aguarda o vencedor de Castanhal-PA e Volta Redonda, na quarta-feira. No entanto, devido às circunstâncias do confronto, a tendência é de que a história ainda tenha desdobramentos no Superior Tribunal de Justiça Desportiva.

“Infelizmente o diretor do Sport disse uma inverdade. Infelizmente a informação é que um dos geradores teve uma entrada de ar e não conseguiria voltar. Autorizei meu time a voltar da forma que está, conversei com meu goleiro Rodrigo Calaça e disse que deve autorizar. Energia ou sem energia nós vamos aganhar do Sport. Não adianta o Sport apelar” – diz Roberto Carlos presidente do Juazeirense.

O que diz o regulamento

 

Art. 20 – Quando a partida for suspensa por quaisquer dos motivos previstos no art. 19 deste RGC, assim se procederá após julgamento do processo correspondente pelo STJD:
I – 
se o Clube que deu causa à suspensão da partida estava vencendo ou a partida estava empatada, tal Clube será declarado perdedor pelo escore de 3 a 0 (três a zero);
II – se o Clube que deu causa à suspensão da partida estava perdendo, o adversário será declarado vencedor pelo placar de 3 a 0 (três a zero) ou pelo placar do momento da suspensão, prevalecendo a maior diferença de gols;
III – 
se o Clube que não deu causa à suspensão da partida estiver dependendo de saldo de gols para obter classificação às fases ou competições seguintes, a situação será decidida pela Justiça Desportiva.

Art. 22 – As partidas que forem interrompidas após os 30 (trinta) minutos do segundo tempo pelos motivos relacionados no art. 19 deste RGC serão consideradas encerradas, prevalecendo o placar daquele momento, desde que nenhum dos Clubes tenha responsabilidade pelo encerramento da partida.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: