Ilhéus

Ilhéus: Hospital Regional Costa do Cacau inicia processo de acreditação

O Hospital Regional Costa do Cacau (HRCC), em Ilhéus, unidade 100% SUS do Governo da Bahia, gestão IBDAH, deu início nesta terça-feira, 18, a um projeto que tem por objetivo proporcionar mais qualidade dos serviços e segurança em suas atividades. Trata-se da Acreditação Hospitalar, certificação da Organização Nacional de Acreditação (ONA), responsável pelo desenvolvimento e gestão dos padrões brasileiros de qualidade e segurança em saúde.

No primeiro dia de atividade, a consultora Adriana de Carvalho Dias, da CGQ – Consultoria e Gestão da Qualidade, iniciou os trabalhos com uma reunião de sensibilização com todos os coordenadores e a direção da unidade. Na ocasião, a consultora explicou como será esse processo de Acreditação, apresentando o manual da ONA, as normas que serão trabalhadas, além disso, evidenciou a importância de ter todos os funcionários do hospital durante o processo.

Adriana Dias destacou ainda que um dos pontos principais de uma unidade de Saúde com a Acreditação Hospitalar em relação aos pacientes é a segurança. “O paciente vai percebendo que existem cuidados diferenciados nas instituições que são certificadas. Desde a indicação de um medicamento até a aplicação e registro das informações. Uma instituição certificada tem checagem dupla e uma série de protocolos para se evitar erros e ampliar a qualidade no atendimento”.

Outra questão importante sinalizada por Adriana Dias, quando um hospital, é Acreditado é que todos serviços relacionados têm a qualidade atestada. “Assim, os serviços terceirizados como laboratórios, e os fornecedores e todos os demais envolvidos, também são certificados ou têm um meio que ateste a qualidade dos seus serviços. Isso acaba gerando um impacto positivo em toda assistência ao paciente”, informou.

Entenda – A Acreditação é um método de avaliação e certificação, que busca por meio de padrões previamente definidos, promover e garantir a qualidade e a segurança da assistência no setor de saúde. É realizada de forma voluntária e, como ferramenta de gestão, contribui para a melhoria do desempenho das unidades hospitalares, identificando pontos operacionais a serem aperfeiçoados, promovendo cooperação interna e mantendo conformidades.

O programa de Acreditação tem como propósito padronizar todos os processos que culminarão na melhoria da qualidade assistencial percebida pelo paciente através de evidências objetivas.

Vale ressaltar que tanto a melhoria como a percepção de progresso podem ser mensuradas através de indicadores. Na prática, são as certificações e acreditações hospitalares que evidenciam, tanto para pacientes quanto para profissionais de saúde, que o hospital atua com práticas (previamente definidas por órgãos internacionais ou nacionais) voltadas para a garantia da segurança do paciente e dos resultados assistenciais.

No Brasil, o processo, instrumentos e padrões de qualidade para a certificação são estabelecidos pela ONA – Organização Nacional de Acreditação e a metodologia aplicada pela ONA (Organização Nacional de Acreditação) é reconhecida pela ISQua (Internacional Society for Quality in Health Care), associação parceira da Organização Mundial da Saúde (OMS) e que conta com representantes de instituições acadêmicas e organizações de saúde de mais de cem países.

Fonte: Políticos do Sul da Bahia

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Close
%d blogueiros gostam disto: