BahiaCidades

Homenagem e atividades marcam Dia do Orgulho LGBTQIA+ em Salvador

O Centro Municipal de Referência LGBT+ recebeu, nesta segunda-feira (28), o nome de Vida Bruno, em homenagem póstuma ao primeiro coordenador de Políticas e Promoção da Cidadania LGBT e militante da causa em Salvador. A renomeação foi feita esta tarde pelo prefeito Bruno Reis em cerimônia realizada no próprio centro, como parte das atividades que marcam a semana da diversidade em Salvador e o Dia Internacional do Orgulho LGBTQIA+.

Participaram da cerimônia a titular da Secretaria Municipal da Reparação (Semur), Ivete Sacramento; o presidente do Conselho Municipal de Promoção e Defesa dos Direitos de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transgêneros (CMLGBT+), Walter Pinto Júnior; o atual coordenador de Políticas e Promoção da Cidadania LGBT, Marcelo Cerqueira; e o ativista e fundador do Grupo Gay da Bahia (GGB), Luiz Mott, entre outras autoridades.

Após assinar o decreto que nomeia o espaço, o prefeito Bruno Reis defendeu a importância de respeitar a diferença. “Nós moramos na capital da diversidade, uma cidade com três milhões de habitantes. Cada um tem a sua opinião, opção e ponto de vista, mas, como prefeito, o meu papel é construir uma sociedade em harmonia onde as pessoas tenham a capacidade de respeitar o pensamento do outro e as individualidades de cada um”.

A titular da Semur, Ivete Sacramento, contou que um dos objetivos da série de atividades programadas para a semana é informar ao público sobre a importância do centro e, ao mesmo tempo, homenagear Vida Bruno – primeiro coordenador da estrutura, fruto do projeto e trabalho desenvolvido por ele. “Essa é a Semana da Diversidade porque nós somos diversos e únicos como seres humanos, independentemente da orientação, da cor ou de qualquer outra singularidade”, afirmou a secretária.

Programação – No local, foi iniciada hoje a mostra artística Orgulho do Precioso Colorido, que conta com a curadoria da Fundação Gregório de Mattos (FGM) e reúne a exposição coletiva de pinturas e gravuras de quinze artistas contemporâneos soteropolitanos e de outros países para celebrar o amor e orgulho do segmento LGBTQIA+. A exposição segue aberta ao público no local, de segunda a sexta (exceto feriados), das 8h às 16h.

Realizada pela Semur, por meio do Centro Municipal de Referência LGBT+ Vida Bruno e do CMLGBT+, a Semana da Diversidade contará ainda com a iluminação nas cores do arco-íris das fontes luminosas das praças da Sé e 2 de Julho (Campo Grande) e fachada da Câmara de Vereadores de Salvador, além de eventos como palestra, roda de conversa e live. (confira abaixo a programação completa).

“Esse é gesto carinhoso, afetivo em memória a Vida Bruno e em reconhecimento ao que ele foi em vida. Esse gesto se estende também para toda a comunidade LGBT em Salvador. A ideia é que ações como essa ajudem cada vez mais a melhorar a condição de vida dessa população aqui na cidade. O Centro está apoiado no tripé da assistência jurídica, psicológica e social e se estende também aos familiares de pessoas do segmento”, opinou Marcelo Cerqueira.

“O orgulho LGBTQIA+ não se resume em um único dia nem em um único mês. Ele vem para dizer à sociedade sobre a nossa existência, sobre a nossa resistência e para lembrar que a garantia dos direitos universais, básicos e essenciais é uma demanda nossa”, ressaltou o presidente do CMLGBT+, Walter Pinto.

Homenagem – Homem trans, historiador e militante em defesa da Cidadania e dos Direitos Humanos, Vida Bruno pautou sua existência em defesa da população LGBT e em valorização e respeito à diversidade, combatendo o preconceito e a intolerância de gênero. Como ativista participou efetivamente da implementação e execução do Programa Municipal de Combate a LGBTfobia da Prefeitura de Salvador, responsável pela capacitação de aproximadamente 10 mil servidores. Faleceu em abril deste ano, em Salvador.

Fundação – Inaugurado em 2016, o Centro Municipal de Referência LGBT+ Vida Bruno está localizado no Rio Vermelho e oferece serviços como atendimento psicossocial, orientação e encaminhamento jurídico em casos que envolvam violência contra lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros.

Em cinco anos de existência, o Centro já atendeu cerca de 6 mil pessoas e também realiza trabalho de inserção no mercado de trabalho, cursos de capacitação e orientação voltada para a geração de renda e formação empreendedora.

PROGRAMAÇÃO – SEMANA DA DIVERSIDADE EM SALVADOR

A partir do dia 28 (segunda-feira)

Mostra Coletiva de Artes Plásticas Com Orgulho.

Local: Centro Municipal de Referência LGBT+ Vida Bruno – Rio Vermelho

De 28 a 30/6

18h – Iluminação nas cores do arco-íris.

Locais: fontes luminosas das praças da Sé e 2 de Julho (Campo Grande), Elevador Lacerda e fachada da Câmara de Vereadores de Salvador.

Dia 29 (terça-feira)

13h – Palestra “Atendimento ginecológico às pessoas transexuais”, com Dra. Jaqueline Espírito Santo.

Local: Centro Municipal de Referência LGBT+ Vida Bruno – Rio Vermelho

Dia 30 (quarta-feira)

13h – Roda de Diálogo – Diversidade etária “A vida LGBT+ depois dos 60 anos”, com o antropólogo da Ufba, Luiz Mott.

Local: Centro Municipal de Referência LGBT+ Vida Bruno – Rio Vermelho

19h – Live: Você conhece a Lei Teu Nascimento?

Mediador: Conselho Municipal de Promoção e Defesa dos Direitos de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transgêneros – CMLGBT+

Transmissão: Página @cmlgbt no Instagram

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: