Política

Ambientalista Mário Mantovani recebe Título de Cidadão Baiano

No mês em que se celebra o Dia Mundial do Meio Ambiente, no próximo 5 de junho, a Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA) concedeu, na tarde desta quinta-feira (2), o Título de Cidadão Baiano ao geógrafo e ambientalista paulista Mário Mantovani, relembrando sua trajetória de lutas socioambientais pelo país, como os mais de 30 anos de atuação na Fundação SOS Mata Atlântica. De iniciativa do deputado Marcelino Galo (PT), que é vice-presidente do colegiado que discute as questões ambientais na Casa, a sessão especial foi prestigiada por uma plateia de diversos segmentos da sociedade civil que militam no tema, assim como representantes em defesa da agroecologia, das comunidades tradicionais, educadores ambientais, entre outros.
 
Natural da cidade de Assis (SP), o homenageado – contou o parlamentar – iniciou sua trajetória na área ambiental pela União dos Escoteiros, quando contribuiu para a divulgação da Conferência da ONU de Estocolmo em 1972, quando foi cunhado o termo desenvolvimento sustentável. O petista citou sua campanha, em 1991, pela despoluição do rio Tietê, chegando a presidir o Comitê de Bacia Hidrográfica do Alto Tietê, e exaltou seu papel, desde 2007, na Frente Parlamentar Ambientalista, onde luta pela aprovação e implementação de leis ambientais.
 
Segundo Galo, Mantovani, que é especialista em manejo de Bacias Hidrográficas, sempre teve a água como uma de suas principais causas e, por isso, um dos momentos mais difíceis para ele foi a discussão do Código Florestal (Lei 12.651/2012), que reduziu a proteção das matas ciliares. “Ele se tornou liderança de muitas causas, pois é como a água, não tem forma. Sua realização preferida ainda é a Estação Ecológica de Juréia”, disse o deputado, relembrando sua mobilização contra a construção de usina nuclear nessa área litorânea do Estado de São Paulo, até hoje preservada. “A sua luta agora é contra o desmonte do Sistema Nacional de Meio Ambiente (Sisnama)”, contou o deputado na sessão especial, que exibiu ainda um vídeo sobre o homenageado.
 
Quebrando o protocolo da entrega da honraria, o proponente deu oportunidade para dois convidados usarem a tribuna. O diretor do Instituto Floresta Viva, professor da Uesc, Rui Rocha, que conduziu o homenageado ao plenário no início da cerimônia, agradeceu a Marcelino Galo pela oportunidade de os baianos “reconhecerem a Bahia no coração de Mário Mantovani”. Já a vereadora de Salvador, Maria Marighella (PT), registrou que a Frente Parlamentar Mista Ambientalista da Câmara Municipal de Salvador (CMS), da qual está presidente com o incentivo de Mantovani, é composta por 30 entidades da sociedade civil e está no centro de todos os conflitos urbanos da cidade, seja na agenda das águas, resíduos sólidos, especulação imobiliária, entre outros.
 
Mário recebeu o tributo das mãos do deputado, da promotora Cristina Seixas Graça, do Ministério Público do Estado da Bahia; da ex-vereadora e coordenadora executiva da Frente Parlamentar Ambientalista da Bahia, Bete Wagner; e de Ana Torquato, dirigente do PT. Muito à vontade por dizer estar entre parceiros de trajetória, Mantovani falou que a luta ambiental permanece nas ações locais, citando a criação das frentes parlamentares nas câmaras de vereadores. “Política pública é o grande desafio desse país. Se a gente não consegue fazer política pública, a gente não consegue fazer inclusão, a gente não consegue a luta por direitos, a gente não consegue justiça”, defendeu. Entre as políticas públicas, ele citou o saneamento básico e a “triste estatística de que 70% das doenças no Brasil são de origem hídrica”.
 
O evento contou ainda com as participações de Ruy Muricy, membro do conselho do Grupo Ambientalista da Bahia (Gambá); Welton Rocha, chefe de gabinete do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema); Claudio Mascarenhas, diretor do Grupo de Defesa e Promoção Socioambiental (Germen); e Álvaro Gomes, assessor para assuntos institucionais do gabinete da Defensoria Pública do Estado da Bahia, que representou o defensor público geral Rafson Ximenes.
Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: