Esportes

Copa do Nordeste será retomada com Salvador como sede única e terá protocolos específicos

A realização da Copa do Nordeste em Salvador como sede única vai exigir uma série de medidas dos clubes participantes. Entre elas está a exigência de realizar testes de covid-19 em todos os atletas antes de todas as partidas da competição. A medida foi anunciada pelo prefeito de Salvador, ACM Neto, na manhã desta quarta-feira.

– Fiz a exigência que todos os jogadores, antes de deixarem a concentração, serão testados. Conseguiremos descobrir se o jogador está contaminado ou não antes dele entrar em campo. Foi uma exigência adicional que fizemos e que foi acatada pela Liga do Nordeste e pelos clubes – disse ACM Neto.

De acordo com o prefeito da capital baiana, houve um acerto com o governo do estado para estabelecer protocolos para que a cidade pudesse sediar os jogos. O entendimento das autoridades é de que, com portões fechados, não há maiores riscos em receber a competição.

– Discutimos com o governo do estado, conversei com governador, analisamos detalhadamente os protocolos, compreendemos que são protocolos seguros e que, portanto, é possível autorizar a realização dos jogos da Copa do Nordeste em Salvador. Clubes terão que cumprir protocolo rigoroso desde a chegada no aeroporto, no caminho do hotel, na concentração, no treinamento e na partida. Até o dia que deixar a cidade. Haverá um protocolo muito rigoroso. O protocolo da CBF é bastante completo – acrescentou o prefeito de Salvador.

 

 

Uma das praças esportivas que vai receber os jogos é o Estádio de Pituaçu. Na tarde desta quarta-feira (8), o secretário do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte, Davidson Magalhães, acompanhado do diretor-geral da Superintendência de Desportos da Bahia (Sudesb), Vicente Neto, fez uma a visita técnica ao equipamento.

“Trazer a Copa do Nordeste para Salvador é o resultado do esforço do Governo do Estado, da Federação Bahiana de Futebol (FBF) e dos times baianos que participam da competição. Agora, é aguardar os protocolos de saúde e segurança, que já estão em processo de finalização, para que possamos recepcionar esses jogos”, destacou o secretário Davidson Magalhães.
De acordo com o diretor-geral da Sudesb, Vicente Neto, o Estádio de Pituaçu “passou recentemente por uma reforma e está em perfeitas condições para receber os jogos, respeitado todos os critérios que serão adotados para a realização das partidas”.

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Close
%d blogueiros gostam disto: