Cultura

Neojiba participa do VI Encontro de Gestores e de Monitores de Orquestras

Entre os dias 18 a 20 de julho, a cidade de Feira de Santana sedia o VI Encontro de Gestores e o Encontro de Monitores, no Centro de Formação Casa Dom Itamar Viana. Os dois eventos acontecem simultaneamente e em sintonia com o lema do Programa Núcleos Estaduais de Orquestras Juvenis e Infantis da Bahia (Neojiba), da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social do Estado (SJDHDS).

O encontro, que será um espaço de ensino e aprendizagem, voltado para os 40 jovens multiplicadores do Programa de Capacitação em Ensino Musical Coletivo (Procec), contará com a presença da equipe do Programa Neojiba, formada por músicos experientes e que também atuam como instrutores de prática musical coletiva.

Durante o evento serão realizadas palestras com profissionais da área de Desenvolvimento Institucional, com a colaboração de representantes do Núcleo Antônio Gasparini, de Feira de Santana, da coordenação da Rede de Projetos e do Procec. Na programação também serão realizadas consultorias sobre mobilização de recursos para projetos socioculturais, oficinas de elaboração de projetos, planos de ação e economia solidária.

A Orquestra Juvenil de Feira de Santana, fará apresentação para o público dos encontros e do Centro de Formação Dom Itamar Viana, que contará com a participação de gestores dos 27 Territórios de Identidade do estado da Bahia.

Programa Neojiba

O Programa Núcleos Estaduais de Orquestras Juvenis e Infantis da Bahia (Neojiba) tem como objetivo promover o desenvolvimento e a integração social, prioritariamente de crianças, adolescentes e jovens em situações de vulnerabilidade, por meio do ensino e da prática musical coletiva.

Criado em 2007,  a partir da iniciativa do Governo da Bahia, o Programa Neojiba, gerido pelo Instituto de Ação Social pela Música (IASPM), tornou-se uma das políticas públicas prioritárias do Governo do Estado da Bahia, através da Secretaria de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS), e beneficia cerca de 6,5 mil crianças, adolescentes e jovens, direta e indiretamente, em todo o estado.

Etiquetas
Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Close
%d blogueiros gostam disto: