Salvador

Curso de doces e salgados melhora expectativa de renda para famílias de Cajazeiras II

O aroma das guloseimas perfumou a sala do Instituto Casa do Sol, em Cajazeiras V, em Salvador, onde ocorreu a solenidade de conclusão do curso de Doces e Salgados, voltado para 30 famílias remanejadas de áreas com obras executadas pela Companhia de Desenvolvimento Urbano do Estado (Conder), vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Urbano (Sedur). A iniciativa é desenvolvida pela Coordenação do Social da Conder, que vem realizando, há 15 meses, uma série de atividades de capacitação profissional, por meio do Plano de Reassentamento do Residencial Colina Solar, em Cajazeiras II. 
 
O objetivo do plano é promover a inclusão social e produtiva das famílias, no momento de pós-ocupação. No total, a ação envolve 600 famílias remanejadas das localidades com serviços realizados pelas diretorias de Habitação e Urbanização Integrada (Dihab) e de Infraestrutura e Edificações Públicas (Dinep). Os recursos do plano são oriundos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC II – Área de Risco/ Contenção de Encostas), através da Caixa Econômica Federal. 
 
Foram sete dias de aulas para os participantes do curso de Doces e Salgados. A capacitação foi ministrada no Instituto Casa do Sol, que cedeu o espaço, localizado nas proximidades do residencial. “Moradia digna não é somente cimento e tijolo. Trata-se também do resgate da auto-estima, desse convívio entre as famílias, além de novas oportunidades de aprendizado e de melhoria da renda”, afirmou a assistente social da Conder, Deborah Monteiro.
 
Com o término do curso, na terça-feira (11), as alunas já fazem planos para aumentar os rendimentos e os ganhos da família. “Sou dona de casa e a cozinha é o local onde mais me identifico. Agora, estou mais segura para aceitar encomendas e aumentar a renda familiar”, declarou Aline Santana de Oliveira.
 
Além de receitas, o curso ofereceu dicas de economia e congelamento. Segundo a instrutora Nilzete Correia, os participantes aprenderam as diferentes técnicas para a produção de alimentos. “Eles podem ganhar, fazendo doces e salgados para pessoas que vão promover festas ou economizar quando forem fazer eventos particulares, produzindo os próprios produtos”, ressaltou a instrutora.
 
Residencial
 
As residências foram construídas por meio do Programa Minha Casa, Minha Vida, com recursos provenientes do PAC. Localizado no bairro de Cajazeiras II, o Residencial Colina Solar é composto por 30 edifícios com 20 apartamentos cada, onde 600 famílias moram desde 2017, após serem remanejadas de áreas com serviços realizados pela Conder. Cada unidade habitacional possui sala, dois quartos, sanitário e cozinha com área de serviço conjugada.
 
As famílias moravam em condições precárias, com riscos de desabamento e frequentes inundações. Com as obras de macrodrenagem do Dique do Cabrito e Programa de Contenção de Encostas – serviços realizados pela Dihab – além da ampliação das avenidas Gal Costa e 29 de março e macrodrenagem do Rio Jaguaribe/Mangabeira – serviços realizados pela Diretoria de Infraestrutura e Edificações Públicas (Dinep), elas passaram a contar com uma área totalmente urbanizada, com duas áreas poliesportivas, dois centros comunitários.
Etiquetas
Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Close
%d blogueiros gostam disto: