Cidades

Camaçari busca parceria com o Estado para desenvolver potencialidades turísticas

Um protocolo de intenções para a implementação de medidas com vistas ao desenvolvimento do turismo em Camaçari será assinado entre a prefeitura do município e a Secretaria de Turismo do Estado (Setur). O acordo foi fechado em reunião realizada na manhã desta sexta-feira (9), na sede do Serviço de Atendimento ao Turista (SAT), no Terreiro de Jesus, onde o secretário Maurício Bacelar recebeu o prefeito do município, Elinaldo Araújo, e a secretária e subsecretária municipais de Turismo, respectivamente, Cristiane Bacelar e Lúcia Bichara. 

“Vamos voltar a nos reunir para assinar este documento, com medidas de curto, médio e longo prazos com as quais poderemos deixar um legado ao município”, afirmou Maurício Bacelar. 

De acordo com o prefeito Elinaldo Araújo, a meta é transformar Camaçari em um grande destino turístico. “Temos um plano municipal de turismo e viemos unir forças ao estado e pedir orientação, pois precisamos ordenar toda nossa costa litorânea”, disse. Entre os trabalhos que já vêm sendo realizados, ele cita melhorias de infraestrutura em avenidas, passeios, iluminação e segurança, intervenções na Praça do Papagaio, em Jauá, requalificação da Praça de Itacimirim, perto de Pojuca, e investimentos na Aldeia Hippie.  

 Segmentos turísticos – Segundo a subsecretária Lúcia Bichara, Camaçari era um destino considerado parte do Polo Petroquímico, industrial e automobilístico. No entanto, reúne todo um potencial turístico a ser desenvolvido, em segmentos como turismo rural, gastronomia e turismo histórico e com atrativos como a Aldeia Hippie e o projeto Tamar, localizados em Arembepe. “Nós temos uma costa de 42 quilômetros de praia com diversas atrações e segmentos turísticos que precisam ser formatados, para serem disponibilizados a operadores e agências de viagens”, afirmou. 

 Segundo a secretária Cristiane Bacelar, a união de esforços entre os governos estadual e municipal poderá trazer muitos frutos para Camaçari. “É um lugar que precisa de um trabalho específico para a área de turismo, que pode se tornar a primeira atividade econômica do município, gerando emprego e renda para a população”.

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: