Política

Augusto Vasconcelos denuncia tentativa de desmonte da Caixa

Os empregados da Caixa Econômica Federal, em todo o país, decidiram paralisar as atividades por 24h – nesta terça-feira (27/04) – e pelo estado de greve. Os funcionário se mobilizam contra o que consideram um desmonte implementado pelo Governo Federal. No próximo dia 29 haverá a abertura de capital da Caixa Seguridade, uma das mais importantes subsidiárias da empresa. 

“A Caixa é um banco extremamente estratégico para o nosso país. Ajuda no desenvolvimento social e é o principal responsável por programas de Habitação Popular, o Seguro Desemprego, Bolsa Família, Auxílio Emergencial. Não aceitamos a destruição deste banco que é um patrimônio do povo brasileiro. Também estamos reivindicando a contratação de mais empregados para o banco, que perdeu, nos últimos seis anos, mais de 20.000 postos de trabalho e não houve a devida reposição”, diz o vereador Augusto Vasconcelos (PCdoB), também presidente do Sindicato dos Bancários da Bahia. 

Integra a pauta de reivindicações, também, a vacinação imediata de todos os funcionários das agências: bancários, vigilantes, prestadores de serviço, estão expostos no dia a dia atendendo milhares de pessoas.
O manifesto reivindica ainda o pagamento da PLR Social. A Caixa efetuou o pagamento com valor inferior ao que está previsto em acordo coletivo. “Queremos também um acordo de teletrabalho para normatizar o trabalho de quem está em home office que até hoje não tem recebido adequadamente os seus direitos. Seguimos lutando em defesa da Caixa 100% pública e por melhores condições de trabalho e de atendimento à população”, acrescenta Augusto Vasconcelos.

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: