Eleições 2020

A voz das massas eclodiu nas ruas de Eunápolis, fazendo Cordélia Torres a primeira prefeita do município com 29,925 votos

As eleições de 2020 trouxeram grandes mudanças, para não falar nas várias nuances, desde o adiamento da data, e às novas normas no ato de votar, diante da pandemia que ainda nos assusta.

Outro fato muito interessante, foram as vozes das ruas, das massas e principalmente a nova visão em busca de  mudanças.  As bases sociais, estão mais vigilantes e interligadas através das redes sociais.  Isso se manifestou na hora de decidir em quem votar.
Foram esses avanços, essa aproximação do povo com as informações obtidas através do celular, que fizeram o eleitor definir, em quem votar.

Nesse sentido, poucos prefeitos e vereadores conseguiram se reeleger. Muitos amargaram grandes derrotas. Em Eunápolis, não foi diferente. As vozes das massas sociais entenderam que era preciso mudar. Elas clamavam por novos nomes. Não que a prefeita eleita Cordélia Torres seja um nome novo. Mas, como não havia outros nomes, as massas optaram por conduzi-la ao cargo para os próximos quatro anos.  
Os 29.925 votos que ela recebeu, contra 22.503 do seu oponente, o prefeito Robério Oliveira, foram os gritos do povo pedindo mais avanços sociais, e investimentos nos setores essenciais para a população.

Caberá a nova prefeita, entender os gritos e os reclames da população. Só o tempo poderá dizer se ela deverá seguir na função. Caso contrário, será banida pelas mesmas vozes que a conduziu ao poder.

Fonte;A gazeta bahia

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Close
%d blogueiros gostam disto: