Política

Prata da Casa: ALBA aprova, por acordo, propostas de autoria de deputados

As 39 proposições da lavra das deputadas e deputados foram apreciadas graças a um acordo entre os líderes das bancadas da situação e da oposição, que selecionaram as matérias submetidas à Comissão de Constituição e Justiça (CCJ). Segundo o presidente do colegiado, deputado Marcelino Galo (PT), a CCJ realizou todas as reuniões agendadas para o semestre, apreciando mais de 80 proposições.

O petista agradeceu aos membros da comissão, titulares e suplentes, ao presidente Adolfo Menezes, e aos líderes do governo e da oposição, respectivamente Rosemberg Pinto e Sandro Régis (DEM). O trabalho da CCJ foi elogiado por Olivia Santana (PC do B), que destacou a sensibilidade dos colegas em fazer valer o que foi pactuado em março, apreciando propostas de deputadas focadas na defesa dos direitos das mulheres.
O líder da minoria também parabenizou os seus pares pela produção legislativa e votação em pleno mês de julho, quando teoricamente a Casa estaria em recesso. Para Sandro Régis, é uma demonstração de que o Parlamento está atuante e cumprindo com seu dever, mesmo no meio de uma pandemia.
O presidente Adolfo Menezes agradeceu o empenho de todos e elogiou a qualidade das matérias, projetando o mês de agosto para o retorno seguro das votações em plenário, com todos os cuidados e protocolos de segurança, não sem antes consultar os 63 membros do Parlamento baiano.

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: