Decisão do TRE obriga PRP a devolver R$ 95 mil ao Tesouro Nacional

A direção estadual do PRP da Bahia terá que devolver R$ 95,5 mil ao Tesouro Nacional, após o Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) entender o valor de R$ 74.343,66 utilizado pelo partido como “referente à utilização de recursos de origem não identificada e de fontes vedadas”.  A decisão partiu do juiz Rui Carlos Barata Lima Filho, e foi publicada no Diário de Justiça Eletrônico (DJE) desta terça-feira (6).

Na decisão, Barata Lima Filho aponta como responsáveis pelas contas do partido o presidente da sigla Alexandre Gomes Marques, a 1ª tesoureira Elisângela Maria Costa Sobral e o também 1º tesoureiro Pedro Carlos Ramos Santos. Ainda de acordo com a publicação no DJE, o partido tem o prazo de 15 dias para providenciar o recolhimento da quantia.

Fonte: Bahianoticias

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Close
%d blogueiros gostam disto: