Brasil

ButanVac vacina 100% brasileira mais uma dose de esperança para vencer pandemia

O Instituto Butantan  apresentou nesta sexta-feira (26)  uma nova fórmula de vacina contra a covid-19 com desenvolvimento e produção 100% brasileira, ainda hoje vai pedir à Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) o início da fase de testes. O anúncio foi feito de forma oficial pelo governador João Doria (PSDB.

O Instituto, fará parte de um consórcio internacional e espera ter capacidade para produzir a maior parte dos imunizantes utilizados na nova vacina, chamada até agora de ButanVac. Atualmente, o Brasil depende de insumos internacionais, que vêm da China, para desenvolver as vacinas da CoronaVac e de Oxford/AstraZeneca.

A ButanVac passou nos testes pré-clínicos, onde os efeitos são observados em animais. Os ensaios 1 e 2, voltados para segurança e a capacidade de promover resposta imune, envolveriam 1.800 pessoas. A fase de eficácia, em que pode ser pedido o uso emergencial e o registro final, são a terceira parte deste processo.

O Butantan fechou uma parceria com uma entidade filantrópica americana para acelerar o processo. A intenção é ter a vacina pronta no prazo de dois meses. Para isso, vão iniciar em maio a chamada produção de risco, mesmo sem o aval da Anvisa.

Todos os testes do novo imunizante serão feitos no estado de São Paulo, com cidadãos de várias idades. Segundo o diretor do Butantan, Dimas Covas, é possível ter 40 milhões de doses prontas até o fim do ano.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: