Vereador questiona o valor do pedágio da ponte Salvador-Itaparica

“Por que, e de que forma chegaram a esse valor de R$45,00?”, questiona o vereador Isnard Araújo

O vereador e 2º vice-presidente da Câmara, Isnard Araújo (Podemos) questionou durante a apresentação e detalhamento do projeto da ponte Salvador-Itaparica, os valores previstos para o pedágio de veículos de tamanho comum. O encarregado da apresentação do projeto foi o vice-governador, João Leão, que abordou, entre outros assuntos o valor básico do pedágio, que será de R$45,00 por veículo, sendo que em caso de “bate-volta” (24 horas) terá um acréscimo de R$5,00. Para habitantes da ilha, haverá um desconto de 50% no valor da tarifa.

No momento de fala, Isnard argumentou o valor supostamente elevado que será cobrado para os motoristas que desejem realizar a travessia. “Eu vi a ponte Rio-Niterói sendo construída. Com o advento da ponte, o fluxo vai crescer. Morar em Itaparica será ótimo para quem trabalhe aqui no Centro de Salvador. Por que, e de que forma chegaram a esse valor de R$45,00, dada a hipótese do grande fluxo de veículos?  É uma crítica construtiva”, disse.

O início das obras tem previsão para o início de 2021 e de entrega para 2025. O orçamento calculado é de 1,5 bilhão. Segundo os secretários, a obra irá gerar cerca de 7 mil empregos.

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Close
%d blogueiros gostam disto: