Política

Nota sobre relatório final da CPI da COVID da Deputada Lídice da Mata

Deputada Lídice das Mata – Relatora da CPMI das Fake News no Congresso Nacional

Como relatora da CPMI das Fake News, instalada no Congresso Nacional em 2019, – porém com seus trabalhos suspensos desde março de 2020 por conta das medidas sanitárias adotadas em razão da epidemia do coronavírus -, entendo como importante me manifestar sobre alguns aspectos do relatório final da CPI da Covid, elaborado pelo relator senador Renan Calheiros:

1 – O relatório aponta uma rede de desinformação, propagação e financiamento de Fake News que ajudou a vitimar milhares de pessoas e continua influenciando brasileiras e brasileiros na decisão de não imunização contra o vírus;

2 – Essa rede de desinformação é a mesma identificada pela CPMI das Fake News e pelo Supremo Tribunal Federal, sustentada pelo chamado “Gabinete do Ódio”, denunciado por parlamentares que eram da base se sustentação do governo Bolsonaro. A confirmação desta rede se deu através de cruzamentos entre documentos ofertados pela CPMI das Fake News à CPI da Covid num acordo de cooperação entre suas equipes de trabalho;

3 – 15 indiciados que figuram no relatório como praticantes de diversos crimes, entre eles o senhor presidente da República Jair Bolsonaro, já tinham sido citados ou inqueridos durante reuniões da CPMI das Fake News nos meses de dezembro de 2019 à março de 2020. Estes nomes sempre atentaram contra a democracia e as instituições constituídas e também colocaram em dúvida a lisura das eleições no país desde o pleito de 2018.

Temos clareza que as informações e evidências contidas neste documento apresentado pela CPI da Covid muito servirá de apoio para o relatório com as conclusões do trabalho da CPMI das Fake News.

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Botão Voltar ao topo
%d blogueiros gostam disto: