Estudantes da rede estadual voltam às aulas após recesso

Os cerca de 800 mil estudantes da rede estadual de ensino retornaram às aulas nesta quarta-feira (3), depois do recesso junino. De acordo com o calendário escolar, o ano letivo termina no dia 16 de dezembro, totalizando uma carga horária mínima de 800 horas, distribuídas em 200 dias letivos. As aulas estão sendo reiniciadas com uma série de novidades. As aprendizagens estão sendo fortalecidas, ainda mais, por meio de projetos estruturantes, entre os quais o ENEM 100%, com aulões de reforço para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem); as feiras escolares de Ciências, Matemática e Empreendedorismo e dos Jogos Estudantis da Rede Pública (Jerp). Os educadores da rede também estão mobilizados para a segunda etapa da Jornada Pedagógica 2019, no dia 27 de julho, com o tema “Pilares para a garantia do direito de aprender: currículo, formação, acompanhamento e avaliação”.

Nas escolas o dia foi de reencontros, abraços e de muitas expectativas. O estudante Marcos Antônio Santos, 20, 3º ano, do Colégio Estadual Bolívar Santana, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), é um dos que estão com a expectativa “em alta”, neste segundo semestre em função do ENEM. “Estamos entrando no segundo semestre e esta é uma nova oportunidade de aprendizagem. Volto às aulas ainda mais focado nos conteúdos voltados ao ENEM. Quero aproveitar os meses que antecedem ao exame para me dedicar especialmente à área de Linguagens, incluindo redação. Além de prestar a atenção nas aulas, em casa estou bem dedicado a assistir a vídeoaulas para fixar, ainda mais, os assuntos”.

A coordenadora pedagógica do Bolívar – onde estudam 1.395 alunos dos Ensinos Fundamental II e Médio –, Alcilane Santana, destaca algumas das atividades do projeto pedagógico da unidade escolar, neste semestre. “Os trabalhos relacionados às feiras terão culminância em agosto. No caso dos alunos que vão fazer o ENEM, a preparação se aprofunda com aulas específicas, dentro de cada área do conhecimento; com as parcerias com universidades. Estamos sempre motivando os nossos alunos, elevando a sua autoestima e mostrando-lhes a sua possibilidade de terem acesso ao Ensino Superior, tais e quais os nossos ex-alunos, que sempre convidamos para que possam falar de suas experiências”.

No Colégio Estadual Ruth Pacheco, no bairro de Sussuarana, em Salvador, o clima do volta às aulas foi, também, de reencontro entre alunos, gestores, professores e funcionários. A estudante Elisiane Machado, 15, 9º ano, disse que volta às aulas com mais disposição para terminar o ano letivo com sucesso. “Estou bem animada porque, no próximo ano, estarei no Ensino Médio. Então, quero estudar muito para ganhar uma boa base, principalmente porque pretendo fazer Medicina ou Direito e isto significa que terei que me dedicar ainda mais”. O professor de História do Ensino Fundamental II, Lázaro Silva, do Ruth Pacheco, conta que está voltado, neste semestre, a conteúdos como cidadania e revoluções que ocorreram no mundo do trabalho, já na perspectiva dos conteúdos exigidos nas provas do ENEM”. 

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Close
%d blogueiros gostam disto: