Políticasaúde

Projeto de autoria da deputada estadual Fabíola Mansur (PSB), que institui o Dia de Combate ao vírus HTLV é aprovado na CCJ

A Comissão de Constituição e Justiça da ALBA aprovou nesta terça-feira (12) um projeto de lei de autoria da deputada estadual Fabíola Mansur (PSB), que institui o Dia Estadual de Prevenção e Combate ao HTLV, a ser celebrado no dia 28 de setembro. O HTLV é um vírus transmitido sexualmente que atinge cerca de 20 milhões de pessoas no mundo, sendo 2,5 milhões no Brasil.

 
O PL 21.461/2015 estabelece que o dia deve integrar o calendário oficial do governo do estado, com a realização de ações de prevenção e combate ao HTLV-I e HTLV-II, com campanhas de conscientização sobre os riscos da doença, realização de palestras e medidas para o melhoramento da condição social das pessoas com o vírus. Agora o Projeto de Lei segue para apreciação do plenário.
 
O HTLV é um retrovírus da mesma família do HIV (causador da aids), que infecta a célula T humana, um tipo de linfócito importante para o sistema de defesa do organismo. Ele foi isolado, em 1980, no portador de um tipo raro de leucemia e é mais prevalente em certas regiões geográficas específicas, como Japão, Caribe e alguns países africanos. No Brasil, representa um problema de saúde pública, apesar de o número de pessoas infectadas ser proporcionalmente baixo.
Existem dois tipos desse vírus: o HTLV-I e o HTLV-II. O primeiro está associado a doenças neurológicas graves e degenerativas (paraparesia espástica tropical) e hematológicas, como a leucemia e o linfoma de células T humana do adulto (ATL). Polimiosites, poliartrites, uveítes e dermatites são enfermidades que parecem relacionadas com esse tipo de vírus.
Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

Close
%d blogueiros gostam disto: